terça-feira, 22 de abril de 2014

Maçonaria dá as boas-vindas ao Papa Francisco

MAÇONARIA DÁ AS BOAS-VINDAS AO PAPA FRANCISCO
  

Em 14 de março de 2013, um dia após a eleição do Papa Francisco, o Grande Oriente da Itália (GOI), que representa a Maçonaria no país, emitiu um comunicado oficial elogiando-o para as primeiras medidas igualitárias que ele tomou no dia da sua eleição. O documento também torna pública as expectativas dos maçons de que o novo Papa deve liderar a Igreja no caminho democrático desejado pela Maçonaria. Esta atitude foi registrado no site oficial GOI.

Grão-Mestre Raffi: “Com o Papa Francisco, nada será mais como era antes. É uma escolha clara de fraternidade para uma Igreja de diálogo, o que não está contaminado pela lógica e tentações do poder temporal”(!!!).[1]

E em 16 de março de 2013, a Agência de Imprensa Maçônica informou que a Grande Loja da Argentina acolheu oficialmente a eleição do cardeal Jorge Bergoglio como o Papa da Igreja Católica. O Grão-Mestre argentino, Anjo Jorge Clavero, considera que esta nomeação trouxe reconhecimento à nação argentina. Eles foram mais longe dizendo que várias Grandes Lojas da América Latina, Europa e Ásia (Líbano) saudou a eleição do novo papa católico.[2]

Deus Pai nos deu esta profecia em 12 de março de 2013:

“O coroamento do Falso Profeta será celebrada por grupos maçônicos em todos os cantos que planejam as fases finais de perseguição de todos os Meus filhos”.[3]
  






Nenhum comentário:

Postar um comentário