Indulgência Plenária

INDULGÊNCIA PLENÁRIA PARA A ABSOLVIÇÃO TOTAL


Jesus concede a Dádiva da Absolvição Total dos pecados e do Poder do Espírito Santo através de uma Oração Especial para ser rezada durante sete dias consecutivos, dada na mensagem do dia 31 de janeiro de 2012:

“Eu concedo-lhes esta Indulgência Plenária para que possam levar a Minha chama de fogo e possam então espalhar a conversão. Esta Minha Dádiva vai torná-los capazes de difundirem a Verdade da Minha Santa Palavra, para que Ela toque os corações em todos os lugares onde vão.

Eles devem dizer esta oração durante sete dias consecutivos e receberão a Dádiva da Absolvição Total e do Poder do Espírito Santo.

Cruzada de Oração (24) Indulgência Plenária para a absolvição

Ó Meu Jesus, Vós sois a Luz da terra. Vós sois a Chama que toca todas as almas. A Vossa Misericórdia e o Amor não conhecem fronteiras. Nós não somos dignos do Sacrifício que Vós fizestes com a Vossa morte na Cruz. Porém, nós sabemos que o Vosso Amor por nós é maior do que o amor que temos por Vós. Concedei-nos Senhor o Dom da humildade, para que sejamos merecedores do Vosso Novo Reino. Enchei-nos com o Espírito Santo, para que possamos marchar em frente e levar o Vosso exército a proclamar a Verdade da Vossa Santa Palavra e a preparar os nossos irmãos e irmãs para a Glória da Vossa Segunda Vinda à terra. Nós Vos honramos. Nós Vos louvamos. Nós nos oferecemos a Vós, assim como as nossas tristezas e os nossos sofrimentos, como presente para a salvação das almas. Nós Vos amamos, Jesus.Tende Misericórdia de todos os Vossos filhos onde quer que estejam. Amém”.

Aos que rejeitam esta Dádiva, assim diz Nosso Senhor: “Essas almas não conseguem entender que somente Deus, o Pai, pode sancionar esta Dádiva da Indulgência Plenária. Se é dada ao mundo através do Meu Santo Vigário ou de Mim, o Divino Salvador, não é o importante. O que é importante é que resta pouco tempo para salvar as almas da Humanidade” (2/2/2012).

Jesus lembra que Ele tem autoridade e poder para perdoar todos os pecados: “Para aqueles que desafiam este Dom especial de oração, pelo qual Eu vos ofereço a Absolvição Total, vós deveis saber isto. Eu sou Jesus Cristo, o Filho do Homem, e foi-Me dada autoridade para perdoar todos os pecados. Os Meus sagrados sacerdotes também têm o poder de perdoar o pecado, através do Santo Sacramento da Confissão” (29/2/2012).

Esta Dádiva é extensiva a todos os que mostram verdadeiro remorso, principalmente aos que não são membros da Igreja Católica Romana:Eu peço para que vós aceiteis a Minha Dádiva das absolvições para benefício daqueles que não podem receber o Sacramento da Confissão, que não são membros da Igreja Católica Romana. Vós negaríeis a essas preciosas almas o direito à Minha Dádiva? Porque irieis vós tentar desencorajar as almas que aceitam a Minha Divina Palavra de receberem a Absolvição? Preferíeis vós que não se redimissem, elas próprias, aos Meus Olhos? Vós deveis mostrar amor pelos vossos irmãos e irmãs e ficar felizes porque eles estão a receber esta Dádiva especial de Mim, o vosso Amado Jesus. Mesmo que nunca tenham lido as Minhas Mensagens, que te foram dadas, Minha filha, todos os pecadores têm o direito de Me pedir perdão, uma vez que mostrem verdadeiro remorso em suas almas. Abri os vossos corações e rezai pelo Dom da humildade. Não sabeis vós que o Espírito Santo não pode, e não vai entrar nas almas daqueles que têm o coração endurecido?” (29/2/2012).

Em preparação para o Aviso, devemos procurar a redenção dos pecados pelas Dádivas do Sacramento da Penitência e da Indulgência Plenária: “Preparai-vos sempre para este dia como se fosse amanhã. Procurai a redenção e revelai-Me agora os vossos pecados. Os católicos devem confessar-se. Os que não sois Católicos deveis recitar a Cruzada de Oração (24), que Eu dei ao resto do mundo para a Minha Indulgência Plenária. Esta Dádiva da Minha Indulgência Plenária é para todos os filhos de Deus, de todos os credos, e oferece uma grande limpeza. Não a rejeiteis. Aceitai-a. Para os católicos que questionem a Minha Dádiva e que a contragosto a critiquem, Eu digo isto. Acreditais vós que Eu não daria este Sacramento a todos os filhos de Deus? Vós deveis ser generosos de coração e estar felizes por Eu fazer isso. Achais que não devia ser dada como um Dom? Se entenderdes isso, então vós realmente não Me amais. Inclinai a cabeça e Louvai a Deus por este Dom maravilhoso dado à Humanidade para salvar as suas almas. Então, durante o Aviso, aqueles que se redimirem aos Meus Olhos não vão sofrer a dor do Purgatório. Os que virem os seus pecados revelados diante deles, tal como podem ser vistos pelos Meus Olhos, ficarão chocados. Muitos acharão que é difícil aceitar como as suas almas são negras. Aqueles que o fizerem e mostrarem remorso, vão pedir-Me para os perdoar. E Eu o farei” (Jesus, 24/5/2012).

Ainda, em preparação para o Aviso, Nosso Senhor nos diz que é necessário o arrependimento e a penitência: “Gostaria agora de preparar todos os Meus seguidores de uma forma que não só iria ajudá-los para o Aviso, como a todos os seus entes queridos. Não é suficiente arrependerem-se por medo. É necessária a penitência. A todos os Meus seguidores, ouvi as Minhas instruções agora para preparardes as vossas almas para o Aviso. Vós deveis começar por meditar sobre todo o mal de que sois culpados contra vós mesmos e contra os vossos próximos. Em relação aos Católicos, vós deveis receber o Sacramento da Confissão a cada duas semanas se desejais, permanecer em estado de graça. Desta forma, a vossa dor durante O Aviso será moderada e tereis força para ajudar os vossos irmãos e irmãs, que vão sofrer uma terrível dor de culpa enquanto tentam atingir as condições para a iluminação das suas consciências. Aos que, dentre vós, sois cristãos ou de outros os credos e que acreditais nestas mensagens, deveis recitar a oração que vos foi dada na Cruzada de Oração (24) Indulgência Plenária para a Absolvição. Vós deveis recitar esta oração durante sete dias consecutivos e Eu, o vosso Jesus, concedo-vos o perdão” (9/7/2012).

A Dádiva da Indulgência Plenária para a absolvição dos pecados será uma maneira para todos permanecerem em estado de graça durante a terrível abominação que irá se abater na Igreja, com a consequente abolição dos Sacramentos:

“A Minha Presença não só faltará em tais Missas, como faltará nas igrejas onde eles próprios Me desonram. Todas estas questões serão muito assustadoras para os Meus seguidores. Vós não sereis mais capazes de receber os sacramentos, com a exceção dos sacerdotes da Minha Igreja Remanescente na Terra. É por isso que agora Eu vos concedo Dádivas, como a Indulgência Plenária, para a absolvição dos vossos pecados. Não se pretende substituir o Ato da Confissão para os Católicos. Será uma maneira pela qual vós podeis permanecer em um estado de graça” (Jesus, 20/7/2012).

Jesus clama os seus discípulos a espalhar a Sua Palavra, informando as pessoas sobre os dons especiais pois o tempo é curto: “Há muito trabalho a ser feito para espalhar a Minha Palavra, mas não há tempo suficiente. Façam isso como sua missão, Meus discípulos, espalhar Minhas Ladainhas, especialmente a Ladainha 2, a oração para a Graça da Imunidade! Vão também e informem as pessoas sobre o Selo do Deus Vivo (Cruzada de Oração 33) e da Indulgência Plenária para o perdão dos pecados (Cruzada de Oração 24). Vocês foram preparados agora, assumam as suas armas em Nome de Deus e Me ajudem, seu Jesus, para salvar a Humanidade!” (11/9/2012).

Existem apenas três maneiras de proteger-se do mal:

“A primeira é: O Sacramento da Confissão, que limpa a sua alma, se você for sincero em seu arrependimento. Para os não-Católicos: por favor aceitem o Dom da Indulgência Plenária com a Cruzada de Oração (24), dado ao mundo com esta missão.

A segunda maneira: é através da devoção diária a Minha Mãe, que tem sido dado o poder de esmagar Satanás. Seu Santo Rosário é um escudo importante, que irá cobrir vocês e suas famílias de seu mau olhar.

A terceira maneira: é com o estado de Graça, que vocês conseguem através de uma comunicação regular Comigo, ao Me receber na Santa Eucaristia” (Jesus, 25/9/2012).

Enfim, Nosso Senhor nos diz que devemos confessar sempre os nossos pecados, da forma e meios disponíveis: “Eu peço-vos que aceiteis o pecado como parte das vossas vidas, mas peço-vos que continueis a evitar os sete pecados mortais, pois se o fizerdes estareis na Minha Proteção. Vós deveis confessar sempre os vossos pecados. Fazei isso diariamente. Falai Comigo e pedi-Me para vos perdoar. Aqueles de vós que não podeis receber o Sacramento da Confissão - aqueles que seguem muitas crenças e religiões - deveis então aceitar o Dom da Indulgência Plenária que Eu vos dei (Cruzada de Oração 24 - Indulgência Plenária para absolvição). Cuidai da vossa alma, pois é a vossa alma, a qual viverá para sempre. Vós vivereis em apenas um dos dois lugares para a eternidade - no Inferno ou no Meu Reino” (12/1/2014).


Copyright © 2014 - O Livro da Verdade - Todos os direitos reservados. Somente será permitida a cópia citando a fonte: Blog O Livro da Verdade - http://olivroselado.blogspot.com.br/